terça-feira, 23 de outubro de 2012

DESENCANTO



DIZEI - ME  ANJO  MEU
QUEM  TE  FERIU  TÃO  PROFUNDAMENTE.
QUEM  TE  FEZ  FICAR  ASSIM...
TÃO  DISTANTE
ESCONDIDO  EM  UM  MUNDO  DE  NÉVOA  E  DOR.
FOI  TÃO  FERIDO  MEU  DOCE  ANJO
TRAÍDO  NO  SEU  MAIS  PROFUNDO  SENTIMENTO
QUE  RESOLVEU  SE  OCULTAR
EM  MÁSCARA  DE  INDIFERENTE  FRIEZA
QUANDO  ME  APROXIMO
FALANDO  DE  CARINHO  E  AMOR...
VOCE  SORRI  E  FOGE.
RÁPIDO... VELOZ...
COM  ASAS  DE  DESESPERO
POR  NÃO  ENXERGAREM  O  BRILHO  DE  SUA  AURA
FIZERAM   SEU  BRILHO  SE  APAGAR
SEU  SORRISO,  ENTRISTECER...
E  MEU  DOCE  ANJO
DESENCANTAR.

                                     SONIA  MARIA  CORDEIRO
                                                            (  SÃO  PAULO  )

Nenhum comentário:

Postar um comentário