quarta-feira, 16 de julho de 2014

EQUÍVOCO

FOI  ASSIM...
NUM  BREVE  OLHAR.
TODA  JURA  DE  AMOR...
FEZ  SENTIDO.
VOCE  ME  SONHOU..
EU  TE  ENCONTREI.
NOS  SEUS  OLHOS..
ME  PERDI.
AMARGURA  NO  MEL  DOS  BEIJOS.
TRISTEZA...  NA  FALSA  ALEGRIA  DE  SER.
QUAL  A  VERDADE?
ONDE  O  REAL  
TORNA - SE  SONHO?
SÃO  TANTOS  OS  POR  QUES...
JÁ  NÃO  SEI  MAIS  ONDE  HABITA
O  ETÉREO
NO  LAMAÇAL
DAS  SUAS  ESCOLHAS...
SENTIMENTOS  SE  DETURPAM..
DE  UM  CORAÇÃO  FERIDO...
FEITO  EM  PEDAÇOS  TANTAS  
VEZES...
RENASCER  O  BRILHO...
A  ESPERANÇA  DE  UM  NOVO
E  PRECIOSO  QUERER.

SONIA  MARIA  CORDEIRO
(  SÃO  PAULO  )   

Nenhum comentário:

Postar um comentário