quarta-feira, 8 de maio de 2013

RESTOU UMA IMAGEM

 
 
AMAR  E  TÃO  SOMENTE...
UMA  IMAGEM... UM  SORRISO.
NA  FOTO  TODO  MEU  UNIVERSO
RESUMIDO
NENHUMA PALAVRA...
AMOR  MUDO  DE  PAPEL..
QUANTO MISTERIO  ESCONDE...
ESSE  OLHAR...
PRAZER  INFINITO  NESSAS  MÃOS..
ATINGINDO  O  CLIMAX...
DA  VENERAÇÃO
POSSO  ATE  MESMO  ABRIR  MÃO
DESSA  LUTA.
SO  NÃO  POSSO ABRIR  MÃO DESSE  AMOR
DE  ACALANTO  E  BÁLSAMO
DE  PAZ  ANGELICAL...
SEM  ELE  SERIA...
ME  PERDER...
NO  MAR  REVOLTO
DE  MIM  MESMA...
 
SONIA  MARIA  CORDEIRO
(  SÃO  PAULO )

Nenhum comentário:

Postar um comentário